Renamo formaliza candidatura de Paulo Vahanle as intercalares de Nampula

O partido Renamo, o maior da oposição do país formalizou Hoje (06) ,  junto da Comissão Nacional de Eleições (CNE) a candidatura de Paulo Vahanle à eleição intercalar no município de Nampula agendada para 24 de Janeiro de 2018.

O acto consistiu na entrega de dois processos, nomeadamente do candidato e da lista de apoiantes, em que figuram 4009 assinaturas, superando as 2555 preconizadas na lei. A Renamo torna-se, assim, o segundo partido a formalizar a sua candidatura, depois da Frelimo, ter o feito na semana passada.

O mandatário do partido, André Magibiro, disse, na ocasião, que o seu partido está tranquilo pois a vitória é certa naquele município.

“A Renamo sempre venceu em Nampula desde 1994. O que sempre aconteceu é que os votos eram roubados mas desta vez não vai acontecer porque preparamos um mecanismo de controlo de votos que não permitir roubos”.

Magibiro acrescentou que, tudo está pronto para o arranque da campanha eleitoral em Janeiro próximo.

Por sua vez, Rodrigues Timba vogal da CNE disse que o passo a seguir após a recepção das candidaturas é avaliar os documentos para verificar existência de irregularidades.

O processo de apresentação de candidaturas dos partidos interessados em concorrer na eleição intercalar de Nampula iniciou a 23 de Novembro e termina no dia 7 de Dezembro.

As eleições intercalares de Nampula foram precipitadas A morte de Mahamudo Amurane provou focos de revolta popular no município de Nampula, onde a vítima era presidente desde 2013, eleito como candidato do Movimento Democrático de Moçambique (MDM), o terceiro maior partido moçambicano.

Na sequência de divergências públicas com a direção do MDM, Mahamudo Amurane já tinha anunciado a intenção de abandonar o partido, com o objetivo de concorrer a um segundo mandato nas autárquicas do próximo ano, sem indicar se seria como independente ou filiado noutra formação partidária.

 

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *